1 de fev de 2011

Vilipêndio a Cadáver

Notícia:

 Fonte: http://www.midiamax.com/noticias/

Desconhecido viola sepultura e pode ter mantido relação sexual com corpo de mulher

Paulo Xavier


A sepultura de uma mulher de 38 anos foi violada na tarde desta quinta-feira, no distrito de Taunay, na região de Aquidauana.
Segundo informações do boletim de ocorrência, a polícia militar foi até o local e encontrou a sepultura aberta. O corpo da mulher foi encontrado fora do seu caixão com a roupa baixada até a altura do joelho e em posição ginecológica
A polícia suspeita de que tenha havido uma violação carnal, ou seja, que o desconhecido tenha feito sexo com o cadáver. A mulher morreu na quinta-feira (18).
A Polícia investiga o caso. O boletim de ocorrência foi registrado como “Vilipêndio a cadáver”

Nosso Comentário:

 O crime de vilipendio a cadáver, tipificado no art. 212 do Código Penal, é muitas vezes realizado na modalidade de Necrofilia, que é um tipo de parafilia, um transtorno de sexualidade que o agente busca prazer sexual realizando ato libinoso com cadaver.
No caso em análise, se confirmado o ato sexual, ter-se-á o crime do art. 212, caso contrário, e se não houver qualquer ato de desagravo ao cadáver, teremos o crime de violação de sepultura, que está tipificado no art. 210 do mesmo Código.

Nenhum comentário:

Postar um comentário